Ocorreu um erro neste gadget

08 outubro, 2010

Pt e o aparelhamento do estado, por Neiúra Demarchi


A senadora Níura Demarchi (SC) usou seu discurso na tribuna nesta quinta-feira (7) para acusar o governo Lula de aparelhamento da máquina pública por sindicalistas e pessoas filiadas ao Partido dos Trabalhadores (PT) com o objetivo de perpetuar um projeto de poder.

A análise da tucana foi feita com base em estudo da historiadora Maria Celina de Araújo, que lançou recentemente a obra "A Elite Dirigente no Governo Lula", que faz um retrato sobre quem comanda o Poder Executivo. Segundo a tucana, o estudo mostra claramente uma partidarização do Estado por parte da gestão petista, que desde 2003 passou a centralizar as nomeações na Casa Civil.

Um governo para os amigos do PT

→ Segundo dados apresentados pela senadora, 45% dos 1.219 cargos de direção e assessoramento superior foram entregues a sindicalistas, 82% dos quais são filiados ao PT.

→ Desde o início do governo Lula 6.045 servidores de carreira filiaram-se ao PT e, conforme a senadora Niúra Demarchi, "curiosamente" 70% deles foram promovidos ou ganharam cargos de chefia.

→ Dos 40 cargos mais cobiçados do governo, 22 são ocupados por partidários de Lula e filiados ao PT. Níura chama atenção que esses cargos comandam um orçamento estimado em R$ 870 bilhões, equivalente a um quarto do Produto Interno Bruto (PIB), que "está sob a administração direta de quadros partidários e ligados a sindicatos e centrais sindicais".

→ Pelo estudo de Maria Celina de Araújo, esses servidores públicos militantes não são imparciais e desinteressados. Eles aparecem como tendo "níveis de participação e inserção política e social muito acima dos que são praticados pela média da sociedade brasileira".

→ O estudo aponta ainda uma forte conexão entre os servidores públicos sindicalizados e a Central Única dos Trabalhadores (CUT), evidenciando uma forte tendência de sindicalismo a partir da Constituição de 88. A senadora cita ainda estudo do IBGE de 2006 que mostra o contraste entre uma sindicalização de apenas 18% em 17 milhões de trabalhadores contra 40% no governo federal.

Brasil está acima do projeto de poder petista
"Não é natural que a noção de serviço público seja substituída, nos escalões superiores da burocracia federal pela fidelidade ao projeto de poder de quem quer que seja."
Senadora Niúra Demarchi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer ter seu blog divulgado no Transparência Política? Veja como na aba da direita, logo ao lado.

Seguidores do Blog T.P.