Ocorreu um erro neste gadget

25 setembro, 2013

Alexandre Gustavo Bley, Renuncia ao Cargo de Presidente do CRM Paraná.

Noticiado hoje (24/09/13)  no site do Conselho Regional de Medicina do Paraná, a informação sobre o pedido de demissão do ex-presidente.

(http://www.crmpr.org.br/Presidente+do+CRMPR+renuncia+ao+cargo+ante+imposicao+de+registro+de+medicos+formados+no+e+11+13539.shtml)



Em sua carta de demissão, Bley informa que em defesa da sociedade e por motivos éticos não pode continuar exercendo o cargo, pois vem sofrendo grande pressão federal, para acatar as decisões que vem de cima.

Sabemos que, o que falta no Brasil não são médicos, mas vergonha na cara de um governo que prefere investir em propaganda ao invés da saúde. Para efeito de comparação até agora foram gastos R$16 bilhões em propaganda, nos últimos 10 anos, sendo que o programa mais médicos irá custar cerca de R$15,8 bilhões de reais, já a obra faraônica para transposição do rio São Francisco, está orçada em 8,2 bilhões.

Bley nos lembra que o descaso do governo não está apenas nos médicos brasileiros, mas também com a falta de infraestrutura, a qual foi deixada de lado nestes anos todos de desgoverno, infraestrutura esta que vai desde as instalações físicas, até a falta de equipamentos básicos para fazer exames de rotina e materiais de consumo. E agora o governo tenta concertar com a importação de médicos a serviço de cuba, os quais por motivos óbvios, não tem o mesmo preparo dos profissionais aqui formados.

Congratulações ao Doutor pela corajosa atitude, mostrando que é um homem digno e coerente.


 

Um comentário:

  1. Venho aqui agradecer a sua visita ao jabanews, informando que adicionei o link do transparência política à minha lista de blogs.
    Saúde, aqui no distinto Pais, em que princípios e valores já caíram no esquecimento é mero detalhe, e já vem de antes do atual governo de prófugos.
    Parte da criminosa grana mandada para Cuba, deve retornar como caixa 2 para campanha do inqualificável partido, se é que pode ser chamado como tal.
    Enquanto isso, mais dois partidos são criados (decisão de ontem do TSE), ajudando, ainda mais, a engessar, engrossar ou que seja a balbúrdia e "benesses" do pluripartidarismo.
    Abs.,
    Flávio

    ResponderExcluir

Quer ter seu blog divulgado no Transparência Política? Veja como na aba da direita, logo ao lado.

Seguidores do Blog T.P.